Operação prende acusado de golpes milionários em Tacima com conivência de funcionários de banco

A Polícia Civil da Paraíba através da 21° delegacia com sede em Araruna, agreste Paraibano, com apoio da UNITEPOL, e em ação integrada da Polícia Militar deflagrou na manhã desta segunda-feira (20), uma grande operação contra estelionatários acusados de golpes milionários usando dados de idosos na região.

Conforme a polícia, o preso na operação é dono de um correspondente bancário em Tacima e com apoio de dois funcionários do Banco do Brasil que repassavam as informações de quem seriam os alvos vulneráveis, mantinham um esquema para da golpes em idosos sem instrução, fazendo empréstimos fraudulentos, uso de cartão de crédito e gerando um prejuízo de cerca de 1 milhão de reais.

O suspeito foi preso na casa do namorado em Dona Inês.