Policial Militar é vítima de envenenamento e acusa esposa de tentativa de homicídio
Compartilhe:
Pin Share

Um policial militar passou mal na manhã desta quarta-feira (17), com sintomas de envenenamento em Bayeux, na grande João Pessoa. A principal suspeita do crime é uma mulher de 23 anos, com quem ele tinha um relacionamento há 1 ano e 3 meses e estava no fim. Segundo o policial, ela não estaria aceitando o fim.

Os policiais localizaram a mulher, também no bairro Mário Andreazza, em Bayeux, e ela teria confessado que comprou chumbinho, um pesticida proibido no Brasil conhecido como “veneno de ratos” e, como tinha acesso a casa dele, colocou na garrafa que ela sabia que ele sempre usava para se hidratar.

No Trauma, ele foi submetido a uma lavagem gástrica e o não corre risco de morte. Já a acusada, juntamente com a garrafa supostamente utilizada para o crime, foram encaminhados para Central de Polícia Civil.

 

 

Correio

Compartilhe:
Pin Share

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.