Desafio padre Egídio dizer que é mentira”, diz Samuel Segundo, delator no caso padre Zé
Compartilhe:
Pin Share

Samuel Segundo, ex-funcionário do Hospital Padre Zé e delator do esquema que terminou com a venda de aparelhos eletrônicos doados à unidade, desafiou o ex-diretor presidente do hospital, padre Egídio de Carvalho a desmentir as afirmações feitas por ele em entrevista à imprensa neste sábado (21).

Entre as acusações, Samuel Segundo falou que padre Egídio ordenou que ele vendesse 270 aparelhos eletrônicos e entregasse o dinheiro a ele em uma casa no bairro do Cabo Branco.

“Ele mandou vender os aparelhos e entregar o valor em espécie a ele. Ele disse que vendesse a metade dos itens [doados pela Receita Federal] e fui várias vezes ao apartamento dele entregar o dinheiro. Ele me pedia para ser em espécie. Eu desafio o padre a dizer que é mentira. Tem câmeras, tem ele me chamando no WhatsApp, tem ele me chamando no hospital para ir na sala dele. Eu entregando dinheiro na sala dele”, afirmou Samuel Segundo.

 

Click pb

Compartilhe:
Pin Share

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.