Compartilhe:
Pin Share

O juiz Paulo Torres Pereira da Silva, de 69 anos, da 21ª Vara Cível da Comarca do Recife, foi assassinado a tiros na região metropolitana da capital pernambucana. Ele estava dentro do seu carro na noite desta quinta-feira (19), em Barra de Jangada, no município de Jaboatão dos Guararapes (PE).

Paulão, com era conhecido, era juiz há 34 anos e em várias oportunidades atuou como desembargador substituto. Segundo as primeiras informações, um carro emparelhou com o da vítima e desferiu os disparos contra o magistrado. O Samu chegou a ser acionado para o socorro, mas o juiz já estava morto. A Polícia Civil investiga o caso.

Em nota, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), descreveu o juiz como muito querido e manifestou pesar pela morte de magistrado. “Com profundo pesar, o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) informa que o juiz de Direito da 21ª Vara Cível da Capital, Paulo Torres Pereira da Silva, foi assassinado na noite desta quinta-feira (19/10), em Jaboatão dos Guararapes. Conhecido como Paulão, o magistrado era muito querido por todos que fazem o Judiciário pernambucano. Tinha 69 anos e era juiz há quase 34 anos. Em várias oportunidades, atuou como desembargador substituto”, diz a nota.

O TJPE informou ainda que está em contato com as autoridades policiais de Pernambuco e prestará todo o apoio necessário para o rápido esclarecimento do crime e a responsabilização dos culpados.

Compartilhe:
Pin Share

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.