Compartilhe:
Pin Share

No último domingo, ocorreu um grave incidente de violência doméstica em Juarez Távora, envolvendo o atual secretário adjunto de agricultura, Jefferson Bebidas. O episódio aconteceu na residência do acusado, após seu retorno em um estado visivelmente alterado, desencadeando uma crise de ciúmes.

Jefferson agrediu brutalmente sua esposa, resultando na fratura de um dos dedos da vítima. A filha do casal, de apenas 13 anos, tentou intervir, mas também foi alvo da fúria do agressor, sofrendo uma grave lesão no olho.

As vítimas foram socorridas e encaminhadas para o Hospital de Itabaiana, onde receberam atendimento médico urgente. O dedo da esposa foi estabilizado e enfaixado, mas o estado da filha permanece grave devido ao trauma no olho.

O caso tem gerado consternação na comunidade local, com relatos de que a família está vivendo com medo pela segurança das vítimas. Surpreendentemente, a prefeitura de Juarez Távora não se pronunciou sobre o ocorrido e o secretário adjunto ainda não foi exonerado do cargo.

Além disso, há questionamentos sobre a atuação do Conselho Tutelar da cidade, com moradores apontando a falta de profissionais especializados, como psicólogos e assistentes sociais, como uma falha no sistema de apoio às vítimas de violência doméstica.

De acordo com informações obtidas, a polícia já emitiu uma medida protetiva em favor da mulher agredida. No entanto, a ausência de um posicionamento oficial por parte da prefeitura de Juarez Távora levanta sérias preocupações sobre a priorização do caso e a proteção das vítimas.

 

A notícia é do Paraíba Verdade, apresentado por Samuka Duarte e Diego Lima.

Compartilhe:
Pin Share

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.