Compartilhe:
Pin Share

Um homem foi alvo de um mandado de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (29) em João Pessoa, após ser suspeito de instalar um programa de monitoramento no notebook de uma ex-namorada, para espioná-la.

A suspeita é que o crime pode ter sido cometido ao longo de até dois anos. De acordo com o delegado João Ricardo, da delegacia de crimes cibernéticos, a descoberta do programa espião se deu após a vítima enviar o equipamento a um técnico, para reparos.

“O computador dela estava muito lento e ela pediu para fazer um reparo. O técnico que fez o reparo identificou que havia um programa espião que dava acesso ao computador quanto também a câmera para ter acesso às imagens externas de onde o computador tivesse. E aí foi assim que ela começou a suspeitar do que é que estava acontecendo”, explicou o delegado à reportagem.

O caso segue sendo investigado pela polícia. Caso confirmada a suspeita, o ex-companheiro deve responder por crimes como cybertalking e invasão do dispositivo.

 

Joaquim Neto

Compartilhe:
Pin Share

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.