Jhony Bezerra nega falta de oposição em Campina Grande e diz que grandes nomes estão sendo sondados para 2024

Com a disputa ficando cada vez mais acirrada, mesmo faltando mais de um ano para as eleições de 2024, o secretário de Estado da Saúde, Jhony Bezerra, em entrevista ao Programa Arapuan Verdade, desta quinta-feira (29), negou que haja falta de oposição em Campina Grande.

De acordo com o gestor que é do partido governista PSB, nomes como Daniella Ribeiro (PP) e Romero Rodrigues (PSC) são alguns dos principais para representar a oposição na disputa pela prefeitura da Rainha da Borborema.

“Oposição segue unida e tem nomes qualificados para fazer essa disputa. Posso citar a senadora Daniella Ribeiro, Inácio Falcão, Murilo Galdino que é irmão do presidente da ALPB, a própria vereadora Jô Oliveira que teve uma votação expressiva nas últimas eleições. Além do PSB que também tem nomes para apresentar”, destacou.

A cidade que é berço de boa parte dos políticos com mandato na Paraíba, a exemplo dos senadores Veneziano Vital do Rêgo e Daniella Ribeiro, do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, vice-governador Lucas Ribeiro, e assim como diversos deputados federais e estaduais, é alvo de especulações constantes acerca do nome que fará concorrência ao atual prefeito Bruna Cunha Lima que tentará a reeleição.

Bezerra ainda foi questionado sobre o nome do ex-prefeito de Campina Grande e deputado federal Romero Rodrigues para unificar a oposição. “Romero é um forte candidato. Sempre foi muito cordial com o governador João Azevêdo, além de terem um perfil semelhante. A oposição tem chances de vencer as eleições, principalmente pelo caos que a cidade se encontra com a atual gestão”, avaliou como acompanhou o portal.

 

 

Por ClickPB