Saúde divulga boletim com mais de 1.800 casos de arboviroses em 2023

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou, nesta quarta-feira (5), o boletim epidemiológico nº 4, referente à Semana Epidemiológica 13 (terminada em 01 de abril). Foram registrados 1.817 casos prováveis de arboviroses no ano de 2023, sendo 1.403 casos prováveis de dengue, 393 casos prováveis de chikungunya e 21 para a doença aguda pelo vírus zika.

“Diante do cenário epidemiológico, é necessário que os profissionais de saúde estejam em alerta para os sinais e sintomas das doenças, realizando as notificações dos casos prováveis, tendo em vista que a Paraíba está com quatro municípios em alto risco de surto da dengue (Teixeira, Baraúna, São José do Brejo do Cruz e Manaíra)”, alertou a gerente executiva de Vigilância em Saúde da SES, Talita Tavares.

De acordo com o boletim, observa-se que a 6ª, 4ª e 1ª Regiões de Saúde apresentam maior incidência de casos prováveis de dengue, chikungunya e zika.

Até o momento, há seis óbitos notificados suspeitos por arboviroses nos municípios de Monteiro (01), João Pessoa (02), Prata (01), Serra Redonda (01) e 01 óbito que já foi descartado para dengue em Mamanguape.