Pai e filha são encontrados mortos por suspeita de envenenamento, afirma polícia


Pai e filha foram encontrados mortos na residência onde moravam no fim da tarde dessa terça-feira (2), na cidade de Sobrado, no Brejo paraibano.

De acordo com a Polícia Civil, o caso ocorreu na região de Campo Grande, zona rural do município. Os policiais foram acionados por vizinhos da família.

O Instituto de Polícia Científica Perícia (IPC) constatou a possibilidade de envenenamento ser a causa da morte. A polícia informou, que pela cena do crime, existe a possibilidade da filha ter envenenado o pai. No entanto, a análise de peritos determinará com precisão como o crime ocorreu. Os corpo foram encaminhados à sede do IPC, em João Pessoa.

Ainda de acordo com os autos, as vítimas foram identificadas como Maria José Firmino da Silva, de 17 anos, e Nercino Firmino da Silva, de 52 anos.

Investigação – De acordo com a Polícia Civil, por uma denúncia do Disque 100, o Conselho Tutelar da região investigava um possível caso de abuso sexual entre o pai e a filha. Em depoimento, Maria José negou todas acusações contra o homem. A polícia ainda informou que a jovem se negou a realizar os exames que comprovassem o possível estupro.

Ao lado dos corpos, a polícia encontrou um bilhete supostamente escrito pela jovem que descrevia não suportar mais a injustiça das acusações contra o pai. Outras cartas também foram recolhidas pela equipe de perícia para investigação.

Com T5

Nenhum comentário