Pilõezinhos: MPPB abre investigação contra prefeita para apurar prática de enriquecimento ilícito


O Ministério Público da Paraíba (MPPB) abriu procedimento para apurar possível prática de enriquecimento ilícito do casal Mônica Cristina Santos da Silva (PSDB), atual gestora do Município de Pilõezinhos, e Alessandro Alves da Silva, ex-gestor da cidade. Mônica ainda é acusada de fornecer declaração falsa à Receita Federal.

Ela é esposa Alessandro Alves, conhecido na região como Sandro Mendes. A tucana foi lançada como candidata à prefeita da cidade em razão do impedimento legal do esposo por conta da suspensão de seus direitos políticos por cinco anos por compras sem licitação.

A ex-primeira-dama foi eleita com 1.481 votos pela coligação “Construindo uma nova história” formada pelos partidos PSDB/PHS/PDT/PTdoB.

A decisão é do promotor Andréa Bezerra Pequeno de Alustau, da Comarca de Guarabira.




Blog do Gordinho

Um comentário: