Governador recua e vai revogar criação da guarda pessoal para ex-governadores


Líder do governo na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Hervázio Bezerra (PSB) revelou que o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), percebeu o erro que estava cometendo e irá revogar a medida que cria a guarda pessoal para ex-governadores.

Segundo o deputado, a medida seria inconstitucional por se tratar da criação de uma lei através de emenda parlamentar.

A lei da guarda pessoal cria cargo de Assessor Temporário de Segurança e Apoio de ex-Governador, a ser ocupado por oficial de Polícia Militar, e dois cargos de Assistente Temporário de Segurança e Apoio de ex-Governador, a ser ocupado por praças da Polícia Militar, para fazer a segurança do ex-governador, a partir do primeiro dia seguinte à conclusão ou interrupção do mandato, por tempo correspondente ao mesmo período de efetivo exercício, limitado à quatro anos
.
 




Paraíba Rádio Blog

Nenhum comentário