Em Solânea, PM prende acusados por roubo e posse ilegal de arma



Por volta das  15h40min desta terça-feira (16), o Copom recebeu informações que três indivíduos no veículo corsa branco armados no centro de Solânea tinham abordado o denunciante e roubado a quantia de R$ 530,00, documentos pessoais e cartões de crédito, tomando destino ignorado. As vtrs continuaram em diligências.

Por volta das 20h30min, novamente o Copom recebeu denúncia de outra vítima que dois indivíduos armados abordaram-na no trevo entre Casserengue e Solânea e subtraiu sua motocicleta Honda Fan, placa OGA-7868/PB, cor preta, documentos e cartões de crédito.
Segundo a vítima, os meliantes estavam sendo apoiado por outro num veículo de cor branca, possivelmente um Corsa.

As guarnições continuaram as diligências e localizaram o veículo suspeito no assentamento São Francisco, Solânea que na hora da abordagem os ocupantes, inclusive mulheres e uma menor, tentaram evadir-se, contudo foram abordados pelas guarnições, bem como realizado buscas no interior do veículo, porém não foi encontrado nenhum objeto ilícito, mas por ter características dos suspeitos, foram conduzidos à DP e após analisar as câmaras de monitoramento do primeiro roubo, confirmou que se tratava do mesmo veículo.

Os acusados Jacson Ribeiro de Medeiros, 22 anos,  Paulo José Santos de Oliveira, 20 anos e um menor J.I.R.C., 17 anos onfessaram o crime e apontaram aonde estavam a motocicleta roubada, os pertences das vítimas e a arma utilizada nos delitos.

Os acusado são conhecidos na área em praticarem roubou com ato de crueldade, furtos e outros delitos.

As guarnições deslocou-se ao local e lá apreenderam a motocicleta que tinha acabado ser roubada, duas armas de fogo, um revólver maraca Taurus calibre 32, numeração 423399, uma espingarda calibre indefinido e os pertences das vítimas.

Os acusados, o veículo utilizado no delito, a moto roubada, as armas e os objetos apreendidos foram conduzidos à DP de Solânea para os procedimentos legais.



*Seção de Comunicação e Marketing da 7ª CIPM.

Nenhum comentário