Servidores da UFPB podem entrar em greve, decisão sai nesta terça


Os servidores técnico-administrativos da UFPB decidem nesta terça-feira, 7 de novembro, às 10 horas, no Centro de Vivência do campus I da universidade, em assembleia geral convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Superior da Paraíba-SINTESPB, se acatam o indicativo de greve por tempo indeterminado a partir do dia 10 de novembro aprovado pela Plenária Nacional da Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra).

Na oportunidade, os servidores da UFPB  ainda  vão avaliar se aderem ao Dia Nacional de Luta com paralisação organizado pelas centrais sindicais contra as reformas trabalhista e previdenciária, marcado também para 10 de novembro. 
  
A greve da Fasubra, marcada para 10 de novembro tem como eixos principais a defesa da carreira, da universidade pública e dos serviços públicos em geral e contra os projetos do governo golpista de Michel  Temer que retiram direitos da classe trabalhadora e desmontam o país.

A presidente do SINTESPB, Marizete Figueiredo, ressaltou que esse é um momento delicado para os servidores públicos em especial os das universidades e será necessária a unidade de todos e todas para o fortalecimento da categoria. “Por isso é importante a participação na assembleia para que possamos tomar a decisão mais acertada”, disse ela.









com Assessoria

Nenhum comentário