PRF constata irregularidades em ônibus escolar de Bananeiras e mais 19 municípios


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) constatou irregularidades no transporte escolar de 20 municípios da Paraíba. Os dados foram colhidos em uma operação chamada Transporte Escolar Seguro, realizada pela PRF de 18 a 22 de setembro, em Campina Grande. O Ministério Público da Paraíba divulgou, nesta quinta-feira (19), que recebeu o relatório do resultado da operação.

Durante a operação, várias irregularidades foram constatadas, entre elas veículos sem autorização para transporte escolar, ônibus com lotação excedente, alunos em pé ou sentados no corredor do ônibus, pneus lisos, a maioria dos passageiros (estudantes) sem uso do cinto de segurança, motoristas sem o curso especializado para transporte coletivo de passageiros e um caso de embriaguez ao volante.

As irregularidades foram constatadas em ônibus do Estado da Paraíba e dos municípios de Boqueirão, Aroeiras, Queimadas, Casserengue, Alagoa Nova, Remígio, Algodão de Jandaíra, Boa Vista, Monteiro, São Vicente do Seridó, São João do Cariri, Soledade, Juazeirinho, Equador, Gurjão, Campina Grande, Nova Floresta, Lagoa Seca, Bananeiras e Caturité.

Após analisar os relatórios, o Ministério Público da Paraíba vai encaminhar para a promotoria responsável por cada município denunciado uma cópia e então serão instaurados procedimentos para acompanhar e verificar as irregularidades.

Caso sejam constatadas as irregularidades, os promotores entram com um ajustamento de conduta, ajuiza ações civis públicas e instaura inquéritos civis públicos para que os problemas sejam resolvidos.











Do G1 PB