Policial civil mata a esposa a tiros e depois se suicida com disparo na cabeça, na PB


Um policial civil matou a tiros a própria esposa e depois cometeu suicídio com disparo na cabeça na cidade de Patos, no Sertão da Paraíba, na noite desta terça-feira (24). O crime aconteceu no bairro Jardim Guanabara, nas proximidades do Centro da cidade.


Segundo agentes da Polícia Civil que registraram o fato, o policial era lotado na cidade de Pombal, também no Sertão, a 371 km da Capital. Ele estaria, há alguns meses, separado da esposa, com quem teve um filho. 


A polícia não apurou o que teria motivado o crime. O policial e a esposa morreram ainda no local da ocorrência. Até o fechamento desta matéria, as polícias Civil e Militar atuavam na cena criminal e faziam o levantamento de informações.






portalcorreio