Celular de padre assassinado é encontrado com uma pessoa ligada ao acusado do crime


Nesta quinta-feira (31/8), os investigadores encontraram o celular pertencente ao padre Pedro Gomes Bezerra, assassinado em Borborema na última quarta-feira (23/8).

O Smartphone modelo Moto G2 foi localizado no município de Baraúna (PB) com o filho de um homem que trabalha para o avô de Lucas, um dos acusados de ter executado o sacerdote.

Segundo informações do radialista Rafael San, o menor apreendido nesta terça-feira (29/8) já havia formatado o aparelho e repassado como pagamento de uma dívida. A localização do objeto praticamente sacramenta a participação de Lucas Sales Jerônimo, 18 anos, que encontra-se foragido.

A polícia acredita que o crime foi premeditado e que os acusados foram para roubar e matar, descartando totalmente a primeira versão apresentada pelo menor que insinuou ato sexual.






Da Redação com Rafael San