Polícia investiga falso funcionário por golpes em clientes de banco na PB


Um golpe tem sido registrado pela Polícia Civil da Paraíba, em agências bancárias da cidade de Campina Grande, no Agreste do Estado. A fraude é praticada por uma pessoa que se passa por funcionário do banco, oferece ajuda aos clientes que querem fazer depósitos no caixa eletrônico e troca o envelope da vítima por outro com um valor menor.

Um consultor técnico, que não quis se identificar, sofreu o golpe em uma agência no Centro da cidade. Ele relatou à Polícia Civil que foi até a agência para fazer um depósito no valor de R$ 300 para o chefe do trabalho dele, quando um homem que estava no local, vestido com roupa social, ofereceu ajuda, dizendo ser funcionário do local.

O consultor aceitou a ajuda e conta que o fraudador realizou todo o procedimento na frente dele, sem levantar suspeitas, conferindo o número da agência, da conta destinatária e o valor digitados no caixa eletrônico, emitindo ainda o extrato com todas as informações corretas.

O golpe só por percebido dois dias após, quando chefe dele viu que dos R$ 300, apenas R$ 8 reais foram depositados. A vítima chegou a enviar o extrato comprovando o depósito com o valor de R$ 300, foi quando eles perceberam que o envelope com R$ 300 foi trocado por outro com R$ 8.
O Banco Bradesco SA, onde o crime foi registrado, disse em nota que todas as operações de depósitos feitas em caixas eletrônicos estão sujeitas a conferência de valor e que o depósito é feito apenas do valor presente no envelope. O banco disse ainda que o procedimento é feito na presença outros dois funcionários do banco.

A delegada de defraudações falsificações da Polícia Civil, Suelane Guimarães, alertou que as pessoas só aceitem ajuda de pessoas que estejam devidamente identificadas como funcionários da agência, com crachá.



g1pb