Criminosos invadem casa no RN, atiram em jovem e depois ateiam fogo no local com ele dentro


Um homem morreu carbonizado e duas mulheres saíram com queimaduras durante  incêndio criminoso em uma residência ocorrido na noite desta sexta feira 27 de janeiro na Rua dos Antúrios no Parque das Rosas do Santa Delmira em Mossoró.
Segundo a Polícia Militar, criminosos, não se sabe quantos, armados de Escopeta 12 chegaram na residência, invadiram a casa e começaram a efetuar disparos. Após os tiros os indivíduos atearam fogo na casa com três pessoas dentro, sendo duas mulheres e um homem.

As duas mulheres conseguiram sair da casa e se refugiar em uma residência vizinha, mas ficaram com queimaduras leves. Uma ambulância de Suporte Avançado (ALFA) do Samu foi ao local e socorreu as vítimas para o Hospital Regional Tarcísio Maia.
Uma terceira pessoa, que segundo a Polícia seria Alisson Jonhnatan Santos Morais, de 22 anos de idade, morador da Rua Riachuelo, no bairro Barrocas não teve tempo de sair e morreu carbonizado dentro casa.

A perícia criminal não descarta a possibilidade do jovem ter sido alvejado com tiro de 12 e depois queimado. Segundo o perito Eduardo Alexandre, apesar da suposta mãe da vítima carbonizada ter comparecido ao local e reconhecer a moto do seu filho e afirmar que  ele estava na casa, o corpo só será identificado oficialmente através de exame de DNA.
Uma moto que estava dentro  da casa ficou totalmente carbonizada e segundo a Polícia a casa pertence a pessoa conhecida como Nildo do Parque das Rosas que está preso acusado de envolvimento com o tráfico de drogas.


O corpo cabonizado foi removido do local, para a sede do ITEP, onde passará por exames para identificação. Os criminos após atearem fogo na residência, fugiram em sentido ignorado.





Fim da Linha